introdução

 banner_estatico.jpg

   

 

Há perguntas que fazemos há séculos e que continuam sem uma resposta.  “Se ninguém me perguntar, eu sei; se o quiser explicar a quem me fizer a pergunta, já não sei” dizia Santo Agostinho a propósito do tempo. Mas o que sabemos afinal? Em que acreditamos e como o podemos explicar?

Somos uma espécie curiosa e difícil de contentar, e por isso inventámos ciências, religiões e artes. Sempre à procura de respostas e de novas perguntas, sempre com a esperança de acrescentar alguma coisa ao que já sabemos.

Havíamos de falar disso, de Amor, de Morte, do Tempo, do Medo. Havíamos… e fica sempre para outro dia, porque temos mais que fazer, porque agora não, e os dias correm, e adiam-se as perguntas e as conversas.

Desta vez não há desculpas. O CICECO (Centro de Investigação em Materiais Cerâmicos e Compósitos) e a Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro, vão receber alguns dos mais proeminentes cientistas, artistas e pensadores portugueses para conversas mensais entre diferentes áreas do saber.

Serão sete conversas mensais entre diferentes disciplinas do saber, com a participação do público e moderação de Nuno Camarneiro, cientista e escritor premiado em 2012 com o Prémio LeYa.

 

Consulte o programa  e o cartaz.

 

Events
Sponsors

1suponsers_list_ciceco.jpg