Patente que protege a purificação deimunoglobulina Y foi concedida em Portugal
2022-11-16
Mara Freire, Sandra Bernardo e João Coutinho desenvolvem tecnologia eficiente para purificação de imunoglobulina a partir da gema de ovo.

Após a submissão de pedidos de proteção em Portugal, nos Estados Unidos da América, na Europa e no Japão, a patente que protege a purificação de imunoglobulina Y a partir da gema de ovo foi concedida em território nacional. A tecnologia tem como inventores Mara Freire, Sandra Bernardo e João Coutinho, à data de submissão todos membros do CICECO – Instituto de Materiais de Aveiro e do Departamento de Química da Universidade de Aveiro (UA).

O grupo de investigação liderado pela investigadora Mara Freire desenvolveu uma tecnologia que permite a purificação de imunoglobulina Y a partir da gema de ovo, com pureza próxima dos 100 por cento, de forma sustentável, permitindo assim a sua aplicação em larga escala.

Esta tecnologia, segundo a equipa de investigação, permite “a produção de anticorpos de baixo custo para utilização, por exemplo, como biofármacos no combate a doenças infecciosas, na funcionalização de filtros com a capacidade de imobilizar vírus ou bactérias para aplicação em purificadores de ar ou na preparação de máscaras faciais anti-acne”.

O grande desafio inerente a esta tecnologia, e que se desenvolverá nos próximos anos, consiste nos ensaios pré-clínicos e clínicos (Fases I-III) em humanos ainda necessários, e respectivo financiamento e autorização regulamentar, de forma a permitir a sua utilização como biofármacos para administração intravenosa em humanos.

A tecnologia alvo de concessão de patente a nível nacional foi desenvolvida e validada no âmbito de duas bolsas do ERC, IgYPurTech e PureIgY, atribuídas à inventora coordenadora da tecnologia, Mara Freire. Ainda com decisão pendente para esta tecnologia, encontram-se os pedidos de patente nos Estados Unidos da América, na Europa e no Japão.

Com o apoio da área de Empreendedorismo da UACOOPERA, foi criada a spin-off da UA RYAPURTECH, à qual se licenciaram as respetivas patentes, e que se encontra atualmente a explorar o potencial comercial do conhecimento gerado.

Share to Facebook Share to Twitter Share to Google+ Share to LinkedIn
Apoio

1suponsers_list_ciceco.jpg